Desterritorialização em Alfredo Molano

  • Manoel de Brito Oliveira Segundo UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI
  • Juliana Helena Gomes Leal

Resumo

Este trabalho objetivou refletir, por meio de levantamento, leitura e análise de referencial bibliográfico sobre o processo de desterritorialização das vítimas do conflito armado na Colômbia. Os desterritorializados colombianos são sujeitos indígenas e afrodescendentes, em sua maioria, que estão no meio de um conflito armado. A primeira parte deste trabalho intenciona discutir o processo de desterritorialização acometido por esses sujeitos a partir do que pensam AGAMBEN (2004) e etc. A segunda apresenta uma leitura interpretativa desse processo à luz de duas crônicas (Ángela e Osíris) da obra Deterrados: crónicas del desarraigo, do escritor Alfredo Molano. Percebeu-se, por meio desta pesquisa, que o conflito armado não terá fim enquanto os direitos desses povos não forem respeitados. Enquanto existir um Estado que se preocupa apenas com o crescimento econômico do país, contudo esquece do social e humano, o conflito atravessará os anos, como vem acontecendo durante mais de meio século na Colômbia.

Publicado
2018-12-20
Seção
Dossiê